Processo que dará origem à construção da ferrovia EF-170 tem início no país, por Felipe Montoro Jens

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), entidade ligada ao governo federal, responsável pela fiscalização das condições de transporte no país, divulgou em 2017 informações sobre as obras da ferrovia Ferrogrão, oficialmente mencionada como EF-170. Quem reporta a notícia é Felipe Montoro Jens, executivo Especialista em Projetos de Infraestrutura.

Devido ao tamanho que se espera que a ferrovia venha a ter, vale salientar que esta compreenderá regiões distintas do território brasileiro. Assim sendo, operadores logísticos do país terão mais essa opção de transporte, que transitará pelos estados do Matogrosso e do Pará. Felipe Montoro Jens esclarece que já se cogita a realização da escolha da empresa concessionária com o planejamento de um leilão público para que isso possa se concretizar em breve.

O regime de contratação da companhia que construirá a Ferrogrão será o de concessão, pontua o executivo Felipe Montoro Jens. Esta, por sua vez, será firmada considerando-se um intervalo de tempo de 65 anos. Para consegui ser escolhida, a empresa deverá ter condições financeiras e estratégicas que possibilitem a outorga de valores satisfatórios às demandas públicas.

Felipe Montoro Jens aponta que, em um primeiro momento, todos os esforços da concessionária estarão direcionados à conclusão da obra. Após esta fase inicial, contudo, já serão definidas as demais atribuições que caberão à companhia escolhida. O especialista em projetos de infraestrutura noticia que já se sabe que as atividades operacionais também deverão ser feitas pela mesma organização.

Haverá um investimento inicial de cerca de 12 bilhões de reais a fim de que a obra da EF-170 possa de fato ser iniciada, alerta Felipe Montoro Jens. O montante, conforme explica o executivo, é originário de uma ação do governo federal. Com isso, o que se espera é que uma quantidade expressiva de produtos possa ser transportada pelo corredor ferroviário que se planeja construir.

Conheça a biografia do especialista em infraestrutura Felipe Montoro Jens.

Trump anuncia aumento de tarifas para 25% em produtos importados da China

O governo dos Estados Unidos anunciou no dia 5 de maio de 2019 que as tarifas sobre os US$ 200 bilhões de produtos chineses importados anualmente aumentarão para 25%. O anúncio foi feito pelo presidente dos Estados Unidos Donald Trump.

De acordo com o presidente, que divulgou notícias e outros dados sobre o aumento das tarifas em suas redes sociais, anteriormente ao anúncio as importações de produtos tecnológicos até US$ 50 bilhões tinham tarifa de 25%. No entanto, quando o valor alcançava os US$ 200 bilhões, as tarifas eram reduzidas para uma cobrança de 10%. Ainda nas redes sociais, Trump informou: “As tarifas irão de 10% até 25% ainda nesta sexta-feira”. O dia em que Trump estava se referindo era o dia 10 de maio deste ano. Trump também lamentou nas redes sociais que as negociações comerciais entre os Estados Unidos e a China estão avançando lentamente.

Desde que Trump se tornou presidente ele alega que a China tem gerado há anos o chamado “déficit comercial”, que é o desequilíbrio entre o volume exportado e importado pelo país. De acordo com Trump, a China tem proporcionado esse desequilíbrio através do roubo de propriedade intelectual, alegando que o país asiático viola segredos comerciais de companhias americanas, tornando a disputa comercial com o restante do mundo desleal.

Considerando essas alegações, Trump criou até mesmo uma campanha para combater os produtos comercializados com o selo “made in China”. Como resposta, vários países aderiram ao protesto contra produtos falsificados.

Para aliviar o déficit comercial, o governo americano tinha estabelecido uma meta de redução de US$ 100 bilhões de produtos importados da China. Tudo isso para reduzir o rombo da economia americana calculado por Trump de US$ 500 bilhões de produtos importados do país asiático. No entanto, há controvérsia sobre os dados divulgados por Trump. Na opinião da China, o rombo chega a US$ 275,8 bilhões todos os anos. Já nos dados oficiais divulgados pelos Estados Unidos o rombo é de US$ 375 bilhões por ano.

Neste ano, os Estados Unidos já tinham anunciado tarifas no valor de US$ 50 bilhões sobre a importação de 1,3 mil produtos do país asiático. O anúncio feito em abril deste ano informou que as tarifas seriam cobradas por causa da violação a propriedade intelectual. A China respondeu à taxação impondo tarifas de 25% em relação aos 128 produtos que são importados dos Estados Unidos, o que inclui carne, carros, soja, aviões e produtos químicos.

Quando o trabalho criativo é rejeitado

Todo mundo espera aproveitar sua criatividade, todo mundo quer sentar uma hora por dia atrás de uma mesa para justificar viagens para o mar e caminha na floresta. Você tem que recarregar as baterias, ou passar o bloco do escritor. Na realidade, o trabalho criativo deve superar uma série de problemas.

Problemas que não dizem respeito apenas ao aspecto econômico, mas também à organização de negócios com os clientes. Não criamos tabelas com base em um modelo predeterminado: trabalhamos com ideias. O cliente nos pede algo – uma manchete, um nome, um pagamento, um logotipo ou um gráfico – e devemos propor.

Precisamos dar nossa contribuição que pode e deve ser avaliada. Estamos no mundo das hipóteses, gostos, possibilidades. Criar um slogan não significa executar uma operação matemática com um resultado certo ou errado: o cliente pode recusar e devolver o trabalho. Você pode fazer isso?

Claro. Ele está em seus direitos, ele pode e deve fazê-lo. Você tem que ser o único a colocar todas as ferramentas no lugar para otimizar o tempo, as etapas e os saldos do trabalho criativo. Como? Aqui estão dicas essenciais para obter o máximo sem perder tempo. E talvez ganhe mais com trabalho criativo.

A importância da rejeição – Antes de começar, quero enfatizar um ponto: a recusa do cliente está na ordem das coisas. É seu direito fazê-lo, especialmente quando ele discute os pontos. Os trabalhos são assim, pegar ou largar. Não há resultado a priori, você tem que criar a alquimia certa. Uma alquimia que ninguém explica, não há livros que ilustrem esse ponto.

Só posso dizer que o cliente não pode prosseguir indefinidamente em direção ao desperdício contínuo. Mas certamente pode desafiar – com educação e bom senso – o primeiro emprego. Cabe a você transformar este momento em uma fase de crescimento e, acima de tudo, limitar o dano o máximo possível.

Encontre o máximo de informação possível – O primeiro ponto é essencial: você precisa encontrar o máximo de informações possível. No sentido de que você tem que colocar o cliente sob pressão, você precisa conhecer os valores, os objetivos, a própria essência da empresa. Você não pode continuar cegamente, trabalhando sem um parâmetro ou uma linha.

Trabalhar para blogueiros

Procurando trabalho como um blogueiro pago, você quer ganhar dinheiro com sua paixão. Você quer tornar suas habilidades lucrativas: boa redação. Claro, não é fácil no começo e tudo começa com um simples diário online. Um espaço onde você reúne suas idéias. Então, lentamente, tudo toma forma. E abra um blog profissional.

Compre uma hospedagem WordPress e um domínio, faça o upload do CMS e crie uma plataforma para publicar seus artigos. Mas agora você quer ganhar dinheiro com o blog. Você quer aproveitar ao máximo o que aprendeu, mas o começo é difícil. Sempre e para todos. E então você começa a navegar pelas páginas: procurando por blogueiros pagos, procurando por blogueiros de moda, blogueiros de culinária, blogueiros de viagens. Mas o que são anúncios de emprego sérios?

Antes de começar a olhar anúncios de emprego com “bloggers pagos queridos” é certo ajustar o tiro. Primeiro de tudo, sugiro que você faça um mínimo de marca pessoal.

E então otimizar tudo relacionado ao seu perfil público: você ainda não é um blogueiro profissional, mas precisa se apresentar como tal. Website, blog, contas sociais como Facebook e LinkedIn: essas plataformas devem estar alinhadas e otimizadas.

As pessoas chegam ao seu perfil no Facebook e precisam entender que são confrontadas com uma pessoa que mastiga pão e escreve todos os dias. Então você tem que acompanhar as ofertas de emprego que oferecem trabalho para o colunista em casa ou no escritório. Como? Use os Alertas do Google, insira a palavra-chave de seu interesse (como um blogueiro de moda queria, procure um blogueiro de viagens e procure por blogueiros de culinária) e leia seu e-mail. Os relatórios virão com a lista de links de anúncios dedicados.

Você quer encontrar trabalho como blogueiro? Assumir a situação e não depender de quem tem que passar pelos trabalhos. Você não precisa procurar clientes. Eles devem estar vindo para você. Apenas para começar. Se você continuar perseguindo o “trabalho desejado, blogueiros sérios, pagos e caseiros”, corre o risco de permanecer em um círculo vicioso. O caminho a seguir? Continue fazendo a bagunça, mas enquanto isso, alimente seu blog. Seu projeto e seus negócios. Faça crescer e encontre clientes sem o suporte de sites.

Como se tornar um treinador de sucesso

Entre as características do treinador está a sua capacidade de trabalhar com clareza, para escolher os melhores suportes para esse público. Não para todos, não precisa ser um divulgador científico. O treinador decidiu falar com aqueles que estão dando seus primeiros passos no mundo dos blogs? Ele deve se fazer entender por essas pessoas. Você quer organizar um curso avançado de SEO? Alterar log, clareza tem outro significado.

 

Trabalhe na teoria

Um ponto de partida banal, mas certo? Entre as principais características do formador está o conhecimento teórico sobre o assunto. Isso significa que é capaz de definir os limites de seu assunto, que pode ter uma competência geral em todos os pontos e nas percepções sobre um tema específico.

 

Quem faz treinamento deve ter uma base. Ele deve estudar os pilares de seu assunto e aprofundar nos negócios. Pode ser feito horizontalmente ou verticalmente, isto é, expandindo o assunto para alcançar temas vizinhos ou aprofundando o tema inicial tanto quanto possível. Em qualquer caso, deve ter bases sólidas para dar as respostas certas às pessoas que o escolhem para fazer o treinamento.

Foco na educação continuada – Quem faz treinamento deve se especializar: é a base para quem quer fazer esse trabalho. Você não pode ensinar se você não olhar para o futuro, se você não pode melhorar o seu conhecimento ao longo do tempo. Os materiais mudam à velocidade da luz, o SMM evolui dia a dia. A redação também, para não mencionar o SEO. As características do treinador também incluem a humildade e a consciência de precisar de um colega.

Não esqueça a prática – A teoria não deve estar faltando, mas você sabe o que faz a diferença entre as características do treinador? A prática. Aqueles que trabalham neste campo devem sempre manter um pé na vida cotidiana, deve ser um profissional que trabalha todos os dias. E isso tem oportunidades de discussão com colegas.

Eu não sou extremista, não acredito apenas na teoria ou na prática. Há um meio feliz: aqueles que investem em treinamento precisam de respostas claras, mas também noções concretas. Formulado por aqueles que sujam as mãos todos os dias e têm experiência no campo. Resolvendo problemas e trazendo resultados.

Conheça os eventos beneficentes que Donata Meirelles ajuda

Donata Meirelles é sempre vista em eventos de gala, contribuindo para causas sociais importantes, doando ou adquirindo itens em leilões beneficentes. Conheça alguns desses eventos, das instituições e um pouco mais da trajetória dessa diva.

Baile da Amfar

Realizado na mansão de Dinho Diniz em São Paulo, a edição brasileira do baile de gala da Amfar estava recheada de celebridades, que ajudaram a instituição sem fins lucrativos que atua no fomento de pesquisas para a cura da Aids. Entre os famosos presentes estavam Bruna Marquezine, Rodrigo Faro, Sabrina Sato, Cauã Reymond, Kate Moss, Mariana Weickert, Naomi Campbell, Lea T. e muitos outros.

Os leiloeiros da noite foram o marido de Donata, Nizan Guanaes e a atriz americana Sharon Stone, que chegou na festa em um carro blindado e com muitos seguranças. O maior lance da noite foi feito pela apresentadora Sabrina Sato, que adquiriu um quadro do artista plástico Vic Muniz por 120 mil dólares. Donata também não ficou para trás e arrematou um item por 50 mil dólares.

Os presentes estavam bem generosos e a Amfar arrecadou cerca de 3 milhões de dólares que serão direcionados a pesquisas e projetos de afirmação para portadores do vírus HIV. A associação Viva Cazuza foi uma das instituições beneficiadas e recebeu parte desse valor que foi arrecadado no evento.

Criada na década de 80, a Amfar Fundação para a Pesquisa da Aids é uma entidade internacional dedicada ao apoio à pesquisa relacionada a Aids, bem como a prevenção do HIV, educação a respeito do tratamento, políticas públicas e inserção de soropositivos na sociedade.

Baile da BrazilFoundation

Donata Meirelles também é presença cativa nas noites de gala da BrazilFoundation. Ela esteve presente nas duas últimas edições, de 2017 e 2018, ambas realizadas na Casa Fasano. A BrazilFoundation é uma ong que promove uma série de ações sociais em todo o país.

Na edição de 2017 o tema foi Educação e teve como homenageados Claudio Haddad, do INSPER, e Eduardo Lyra, do Instituto Gerando Falcões. Claudio Haddad fundou e é o presidente do Conselho do INSPER, um instituto educacional sem fins lucrativos. Já Eduardo Lyra é escritor, jornalista, roteirista e filantropo, fundador Instituto Gerando Falcões. Na ocasião também foi comemorada a campanha da Abrace o Brasil.

Entre os presentes estavam Flávio Canto e Alice Bento, Oliver Hugues, Jeff Ares, Daniele Falcão, Flávio Alessandra, Preta Gil e muitas outras celebridades. A edição arrecadou pouco mais de 1 milhão de reais.

Já a edição de 2018 contou com Fernanda Gentil e Jonathan Azevedo como leiloeiros. Os homenageados foram José Olympio Pereira e Anna Schvartzmann, que emocionaram a plateia com seus discursos. Eles falaram sobre a necessidade das pessoas se ajudarem e o impacto que um só indivíduo pode fazer no mundo.

Muitos famosos contribuíram com o leilão como Renata Queiroz, José Ermírio de Moraes, Elen Capri, Alexandre Birman, entre outros. O valor arrecadado entre o leilão e os convites que custaram a partir de R$ 3 mil somou a quantia de 800 mil reais, destinados às ações socioculturais da BrazilFoundation. A ong não custeou a festa, cujos custos foram da co-host da noite, a marca de acessórios Chanel.

Quem é Donata Meirelles?

É um dos nomes mais conhecidos da moda de luxo nacional. Donata ganhou notoriedade quando trabalhou na boutique Daslu, a qual ela dedicou mais de 23 anos. Começou como vendedora, passou para o cargo de diretora em que era responsável por trazer as marcas internacionais que eram vendidas no país após o governo permitir as importações.

Pela Daslu, Donata teve que viajar pelo mundo para comparecer aos principais eventos de moda, como o Paris Fashion Week. Em algumas ocasiões, eram 8 viagens anuais e muitas delas eram acompanhadas pela filha mais velha, Helena Bordon. Donata também era responsável por definir as ações de mais de 400 colaboradores da empresa.

Donata tem mais de 30 anos atuando no mercado da moda. Pouco depois de sair da Daslu, aceitou o convite de Daniela Falcão (diretora da Globo Condé Nast) para a função de diretora de estilo na versão brasileira da Vogue. Apesar de não ter formação em Comunicação, Donata se saiu bem na nova função, que segundo ela, traz um olhar de leitora à publicação.

Em entrevista para Forbes ela afirmou que mergulhou de cabeça nos eventos promovidos pela Vogue. Para isso, alguns profissionais da revista percorrem o país promovendo ações, palestras, entre outros eventos ligados a moda. O intuito é gerar receita por meio da força que a marca possui.

Um desses eventos foi realizado em Goiânia e a receptividade do público foi muito boa. Eram mais de 70 mil presentes em um só dia de evento e os lojistas que participaram com ações promocionais paralelas obtiveram bons resultados. O lucro só não foi maior que o registrado na melhor data para o comércio, o natal.

 

Escolha o melhor para você

Uma visão de um verdadeiro egoísmo, mas o mundo é assim. Me desculpe. A vida muitas vezes confronta você com escolhas difíceis, você tem que tomar uma decisão. No coração de tudo isso é você, aí está o seu negócio. Seu futuro depende das escolhas que você faz todos os dias, isso se aplica a freelancers e funcionários.

É difícil escolher e desvalorizar outras pessoas, mas a clareza é a primeira virtude. Uma pessoa madura entende a dinâmica do trabalho, das relações profissionais. E ele sabe que as regras do jogo são implacáveis. Nessas dinâmicas escolho o melhor para mim, para meus amigos, para meus colaboradores.

Não desista – Você não tem que dar muito, você não tem que vender o seu valor. É verdade que na web o presente é importante e consegue levar as massas aos seus interesses. Mas o negócio principal, o valor que você pode agregar graças à sua experiência, você tem que vendê-lo. E você tem que vendê-lo bem, a um preço que pode trazer satisfação na caixa do ativo.

Identifique lugares e horários – Você quer trabalhar melhor? Meu conselho: na medida do possível, escolha os lugares e horários de sua preferência. A mesa deve estar à sua imagem e semelhança, o mesmo se aplica ao escritório. Você ama trabalhar de manhã? Concentre-se na parte mais difícil da lista de tarefas quando puder dar tudo de si.

O mesmo vale para a música, a cadeira, a estação: mime sua personalidade para ser mais produtivo. Neste caso, o freelancer tem um equipamento extra, pode trabalhar de pijama em casa e estar 100% operacional.

Escolha as pessoas certas – Este é um ponto fundamental. Para trabalhar melhor, você tem que escolher as pessoas certas. Colaboradores, clientes, fornecedores. Todos devem ser parceiros em seu projeto, devem compartilhar e respeitar sua visão. Eu sei que nem sempre é assim. Existe o indiferente, o cliente que usa você como uma prótese, o mau pagador: o mundo perfeito não existe. Mas você pode melhorar com as mãos.

Trabalhe menos e ganhe mais – Soa absurdo, certo? Trabalhe menos e ganhe mais. Na realidade, não é um princípio tão distante da realidade e segue um fio lógico. Você tem que trabalhar com alguns clientes que fazem você ganhar muito. Cada contato representa um investimento em termos de tempo: ele quer sua atenção e quer o melhor dos negócios.

Donata Meirelles noticia sobre os principais trends de moda da SPFW

Com o encerramento da 47ª edição da São Paulo Fashion Week, já é possível identificar quais foram as principais tendências desfiladas nas passarelas do evento, e que devem chegar em breve às ruas para a próxima coleção de primavera-verão, informa Donata Meirelles. Saiba a seguir que trends são esses e como incorporá-los ao guarda-roupa.

Cores neon

Muitos chegaram a apostar que a moda do neon seria algo passageiro, mas não é isso que tem sido visto nas passarelas, tanto da SPFW como em outras semanas de moda ao redor do globo. Para a temporada de primavera-verão 2019/20, os tons em neon, principalmente o rosa e o laranja, foram bastante vistos durante os desfiles de várias grifes. Essa tendência apareceu tanto em alguns detalhes do look, como também sendo o elemento principal das produções. De acordo com os designers, a grande vantagem do neon é que essas cores conseguem iluminar o look, algo que conversa muito bem com o verão.

Metalizado

Apesar de ser mais comum no outono-inverno, muitas grifes resolveram apostar em trazer o metalizado também para assuas coleções de primavera-verão. Vista de forma versátil, tanto para personalizar peças de couro, como também em itens de moda praia, a tendência do metalizado chamou bastante atenção ao longo dos desfiles da São Paulo Fashion Week. Para isso, os estilistas utilizaram fios dourados e prateados nas peças, trazendo um toque de brilho e glamour, tanto em produções mais informais do dia a dia, como para looks noturnos.

Paetês e canutilhos

As peças com um toque mais delicado e artesanal foram outro grande destaque da semana de moda paulista. No desfile da grife Fabiana Milazzo, por exemplo, a aposta foram os bordados feitos de paetês e canutilhos de diversas cores diferentes, os quais deram um charme adicional aos vestidos de festa, tornando-os ainda mais elegantes, noticia Donata Meirelles. Para seguir a linha mais sustentável que dominou as passarelas esse ano, a grife escolheu tecidos e aplicações ecologicamente amigáveis.

Looks esportivos

Essa é uma tendência que já está em alta há algumas temporadas, e que na atual coleção promete vir com tudo. Os itens de estilo esportivo, como calças, moletons e tênis de corrida, foram muito utilizados nos desfiles da São Paulo Fashion Week por diferentes grifes. No caso das roupas, as mesmas foram apresentadas com tecidos que contam com tecnologia esportiva, os quais garantem uma modelagem mais ajustada ao corpo, combinando o casual com o moderno de forma perfeita. Já os tênis, estes apareceram em modelos coloridos e vibrantes, os quais combinaram perfeitamente com as produções monocromáticas apresentadas nos desfiles.

Peças assimétricas

A assimetria proposital nos looks também parece ser uma forte tendência para a coleção de primavera-verão, uma surpresa para muitos dos que estavam presentes na SPFW. Mesmo sendo algo mais comum na temporada mais fria do ano, os designers souberam criar recortes e sobreposições assimétricas que deram um ar mais moderno e cosmopolita para as produções de verão. As peças em tamanho maior, que são conhecidas pela expressão “oversized”, também apareceram bastante, com o intuito de conceder mais volume e estilo aos looks.

Tons de rosa

Eleita por alguns veículos internacionais como a cor do ano em 2019, o rosa coral foi possivelmente a cor mais vista nas passarelas da São Paulo Fashion Week. A tonalidade apareceu tanto como protagonista de algumas produções, em looks mais monocromáticos, incluindo os acessórios, bolsas, lenços e óculos, ou ainda nos detalhes das estampas desfiladas em várias grifes, reporta Donata Meirelles. Mas além do rosa coral, outros tons de rosa também foram destaque, desde o rosa candy, mais romântico e delicado, até o rosa pink, conhecido por ser mais chamativo e moderno.

Babados

Os babados surgiram como uma importante tendência durante a São Paulo Fashion Week, sendoutilizados para tornar os looks mais femininos e delicados. Além de aparecer em saias, vestidos e peças mais refinadas, esse trend se destacou especialmente nos itens de alfaiataria. Seja para usar no escritório ou no dia a dia, em looks de streetstyle, a alfaiataria é algo que está em alta já há algum tempo, e para a primavera-verão, o seu diferencial são justamente as peças com camadas de babados nas manga, especialmente, como o que foi visto nas passarelas da grife Lilly Sarti.

Modelagens com fluidez

Para o próximo verão, as grifes brasileiras demonstraram que a grande aposta são as peças de tecidos leves e fluidos, que além de confortáveis, facilitam o movimento e trazem mais elegância ao look, informa Donata Meirelles. Na São Paulo Fashion Week, muitas marcas investiram nessa tendência e provaram que é possível manter a sensualidade e o estilo em alta com roupas que não marcam tanta a figura feminina. Desse modo, os itens mais apertados e ajustados ao corpo provavelmente irão ficar de fora do guarda-roupa das fashionistas durante os próximos meses.

Couro reinventado

Enquanto no outono-inverno o couro é figura certa em jaquetas e calças, esse ano a coleção de primavera-verão também decidiu incorporar esse trend, mas de uma forma nova e diferenciada. Nos desfiles de várias grifes que passaram pela semana de moda paulista, o couro surgiu em shorts, saias e até mesmo camisas, de uma forma mais leve e descontraída, com recortes modernos, detalhes estampados e uma cartela de cores mais variada, em contraste aos tons neutros como preto e marrom que costumam imperar durante a época mais fria do ano.