Donata Meirelles e outras 7 mulheres escolhidas pela Forbes entre as mais influentes

Na lista de 2017 divulgada pela Forbes Brasil, a revista preparou um perfil com as mulheres mais poderosas e de grande influência do país. Conheça a seguir 8 mulheres que estão presentes nessa lista e um pouco mais sobre suas trajetórias profissionais.

– Donata Meirelles

Referência em moda no país, Donata Meirelles trabalhou por quase 30 anos na Daslu, a princípio como vendedora da loja, mas sua simpatia e conhecimento em moda a levaram a ser promovida, até alcançar o posto de responsável pela seleção das marcas internacionais que seriam vendidas na loja, o que ampliou ainda mais a sua visão e entendimento sobre esse meio. Depois de sair da Daslu e tirar um breve período sabático, Donata Meirelles retornou ao mundo da moda como editora de estilo da Vogue, aceitando um convite de prestígio recebido da direção-geral da Globo Condé Nast, que comanda as operações da revista no Brasil.

 

– Eliane Cantanhêd

Jornalista firmada na UnB, Eliane Cantanhêde já passou pela redação de locais como “Jornal do Brasil”, “Veja” e “Folha de S.Paulo”, até passar a integrar o time de jornalistas que entram ao vivo no programa “Em Pauta”, da “GloboNews”, em 2011. Com tanta experiência na área, não é se espantar que o nome de Eliane tenha alcançado o Top 50 “Jornalistas Brasileiros +Admirados” de 2014 e de 2015, segundo um levantamento feito pela “Maxpress”. Ainda entre os prêmios recebidos, a jornalista também venceu em 2016 e 2017 o Troféu Mulher Imprensa, por seu trabalho como colunista.

– Fiamma Zarife

Uma das mulheres mais poderosas por trás do Twitter Brasil, Fiamma Zarife faz parte da equipe que administra a rede social desde 2015, e possui um interesse especial por tecnologia e startups desde que cursou uma especialização nos Estados Unidos, na Singularity University. Depois de começar como diretora de agências, a executiva foi promovida para o cargo de diretora-geral em 2017, e desde então atua no fortalecimento da relação da companhia com os seus anunciantes.Para estimular a crescimento da empresa nos dias de hoje, Fiamma acredita no poder da modernização na gestão, investindo assim na diversidade e na igualdade dentro do Twitter.

– Lara Brans

Há mais de 20 anos, Lara Brans entrou pada a JDR, uma multinacional de origem holandesa que está entre as líderes do mercado global na venda de chás e cafés. Com formação no curso de economia pela Universidade de Roterdã, Lara passou muitos anos no cargo de diretora regional da empresa na Austrália, até retornar para o Brasil em 2015, para gerenciar as operações da companhia do país, a qual é a proprietária de marcas de prestígio nesse ramo, como Pilão e Caboclo. Segunda maior empresa do Brasil no setor, com quase 20% do total desse mercado, a executiva exerce um papel estratégico, além de comandar mais de 1.500 funcionários e nada menos que três grandes fábricas espalhadas pelo Brasil.

– Luiza Helena Trajano

Atual presidente do conselho administrativo do Magazine Luiza, Luiza Helena Trajano é um dos nomes por trás de uma das maiores redes varejistas do país. Com lucros cada vez maiores a cada trimestre, o Magazine Luiza conseguiu driblar e crise e manter a sua atratividade para os clientes. Mas além dos bons resultados financeiros, Luiza também comemora o sucesso do grupo “Mulheres do Brasil”, criado por ela em 2013, o qual reúne dezenas de executivas de diversos segmentos da economia, e atua em conjunto com ONGs e instituições sem fins lucrativos que prestam auxílio as mulheres vítimas de violência, e também promovem o acesso a educação, saúde e cultura para jovens mulheres.

– Mônica Orcioli

Nos anos em que está na direção-geral da joalheria Swarovski na América Latina, Mônica Orcioli conseguiu triplicar os negócios da marca no país, mesmo em um período complicado e de recessão. Segundo ela, não existe segredo para os bons resultados, e sim um extenso planejamento desenvolvido por toda a equipe, a qual deve estar apta para lidar com qualquer cenário econômico. Além da formação acadêmica na Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM), Mônica também é formada em balé clássico pela Royal Academy, e credita ao balé a sua disciplina e capacidade de tomar decisões rapidamente.

– Paula Bellizia

Após uma passagem pela Microsoft Brasil no início dos anos 2000, no cargo de gerente de vendas, Paula Bellizia passou por grandes empresas como Apple e Facebook, antes de retornar para a companhia responsável pelo sistema Windows há alguns anos, na função de CEO da empresa no Brasil. Com uma gestão que valoriza especialmente o conhecimento, Paula lidera a Microsoft em um momento de grandes transformações, em que a gigante em tecnologia está se expandindo para novos rumos, como inteligência artificial e serviços de armazenamento de dados na nuvem, com o intuito de demonstrar ao mercado que a empresa não está estagnada e pode se adaptar as novas demandas tecnológicas dos usuários

– Paula Paschoal

Como atual diretora-geral do Paypal no Brasil, Paula Paschoal vive e respira inovação, tendo assumido um importante cargo de direção na companhia de pagamentos desde que a mesma entrou no país, em 2010. Com foco no aumento das vendas feitas em esfera digital, o Paypal enxerga um imenso potencial no público brasileiro, e tem tudo para se tornar uma das principais formas de pagamento online, algo que Paula e sua equipe, a qual é formada igualmente por homens e mulheres em cargos de liderança, trabalham de forma incessante para alcançar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *